Andreense Buba Lança Clipe

13/04/2017 18:15

Andreense Buba lança primeiro clipe

 

O cantor e compositor Buba, 19 anos, lançou recentemente o primeiro clipe para marcar o início de sua carreira com a música ‘Faça o Sol Brilhar’, canção de trabalho que faz parte também do primeiro EP e que traz ainda ‘Por Quanto Tempo’ e ‘Só a Nossa Paz’. Além das três músicas gravadas, Buba tem outras 28 praticamente prontas para entrar em estúdio e mais de 70 letras já registradas e outras tantas para registrar, todas de sua autoria.

Para realizar o sonho de seguir carreira como cantor e compositor, Buba abdicou de prazeres próprios da idade, como baladas e até do futebol com os amigos, para aprender violão e passar horas trancado no quarto com o firme propósito de ele mesmo criar as músicas para suas letras. Também usou o dinheiro ganho com o trabalho como captador de clientes para agência de produtos gráficos para bancar a produção do EP e do primeiro clipe.

“Foi o único jeito que encontrei de batalhar pelo meu sonho. Meus pais não têm grana para bancar, mas minha família me dá todo o suporte e me ajuda demais. Todo começo é difícil, em qualquer profissão, e por isso é preciso abrir mão de algumas coisas, principalmente as supérfluas, para fazer aquilo que a gente gosta. Não sinto falta de sair ou coisas assim, porque sei que preciso me dedicar de corpo e alma se quero ver meu sonho realizado. E quando isso acontecer, vou poder olhar para trás sem me arrepender de ter tomado essa decisão”, diz Buba, com a segurança de alguém com bem mais do que seus 20 anos.

Batizado João Vitor Carmello Moço, o andreense Buba formou uma banda de rock com amigos de colégio em Santo André, em março de 2014. Ficaram juntos até abril de 2016, quando ele resolveu seguir carreira solo. “A gente fazia um rock mais pesado, e cheguei à conclusão de que minhas letras pediam algo mais suave, porque a maioria de minhas letras traz alguma mensagem. Mas esse tempo juntos foi um grande aprendizado para mim”, explica Buba.

Quando perguntado sobre o nome artístico Buba, ele diz que a ideia surgiu como forma de homenagear um tio de sua mãe, Maristela, morto em acidente de carro nas proximidades de onde hoje é o Shopping ABC, em Santo André, e que também sonhava com a carreira de músico. Aliás, música está no sangue da família, pois o avó materno, Reynaldo, teve um conjunto no estilo ‘Demônios da Garoa’ e a avó materna, Laís, cantava em rádio. O outro irmão de Laís, Paulo, também tocava em conjunto e sua cunhada, Maria, cantava em rádio.

Antes de enveredar pelos caminhos da música, Buba sonhava em ser jogador de futebol, como a maioria dos garotos em todo o Brasil. A posição escolhida, goleiro, posição que fez parte da vida do pai entre a adolescência e a juventude, período no qual jogou por vários clubes amadores de São Bernardo e em seleções da cidade. Buba, ainda então João Vitor, esteve perto de ingressar nas categorias de base do Audax e do EC São Bernardo, após cerca de um ano de treinos na academia do ex-goleiro Zetti, em são Paulo. Porém, depois de um período recuperando-se de contusão no braço esquerdo, decidiu que o seu caminho era a música.

Edição: Ricardo Marujo

Voltar

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!